Rinoplastia em Florianópolis: qual é a melhor época para fazer?

Publicado em

Por: Dr. Fábio Zanini - CRM/SC 8373 | RQE 3904

Será que o clima influencia no resultado da cirurgia no nariz? Depende do quanto vai interferir nos cuidados pós-operatórios. Ou seja, trata-se de uma questão absolutamente pessoal. Para quem faz questão de curtir a vida ao ar livre, por exemplo, talvez o verão não seja a época mais indicada — ainda mais quando se pretende fazer uma rinoplastia em Florianópolis, SC. Afinal, o clima subtropical faz com que o calor da estação seja muito intenso, tornando o curativo um tanto incômodo.

Assim, ainda que sejam fatores facilmente contornáveis, decidi atender a uma dúvida muito comum e mostrar quais são os principais cuidados pós-cirúrgico relacionados às características de cada época. Se você deseja planejar seu procedimento da forma mais conveniente possível, vale a pena conferir!

Como é uma cirurgia de rinoplastia?

O procedimento pode ter objetivo funcional e/ou estético. De acordo com a técnica escolhida, a remodelação pode ser realizada por acesso aberto ou fechado.

Rinoplastia aberta

Na rinoplastia aberta, a incisão é feita na columela (estrutura situada entre as duas narinas). A partir dela, o cirurgião levanta os tecidos que cobrem o nariz e realiza o procedimento.

O acesso aberto é indicado em casos mais complexos, como em rinoplastias secundárias e rinoplastias pós-traumáticas. Isso porque, possibilita ao cirurgião uma melhor visibilidade da área operada.

Rinoplastia fechada

Na rinoplastia fechada, as incisões são feitas dentro do nariz. Esse acesso é indicado em cirurgias primárias e de caráter mais simples, como em rinoplastias para corrigir a ponta bulbosa (conhecida como nariz de batata) ou a giba nasal (osso saltado no dorso).

Quais são os cuidados pós-operatórios em cada época do ano?

As recomendações gerais para o pós-operatório da rinoplastia são as mesmas em qualquer época do ano, seja qual for a técnica empregada. No entanto, alguns cuidados devem ser redobrados em determinados períodos — principalmente, para quem faz a rinoplastia em Florianópolis ou em outras localidades com as estações bem definidas. Conheça-os a seguir.

Cuidados após a rinoplastia no verão

Quem planeja fazer uma rinoplastia em Florianópolis, em pleno verão, precisa considerar o impacto das altas temperaturas na recuperação. Para evitar o aumento do edema, se possível, fique em ambientes bem arejados ou climatizados. Isso também ajuda a prevenir coceiras, por conta da tala com fita micropore, mantida durante a primeira semana, e eventuais sangramentos.

Outro ponto muito importante é não expor a área operada à luz solar, pelo menos enquanto existirem hematomas e/ou manchas equimoses (decorrentes do sangramento subcutâneo). Do contrário, a pele pode ficar manchada.

Além disso, é importante ressaltar que cicatrizes expostas aos raios solares têm mais risco de ficarem hipertróficas. Portanto, o ideal é fugir do sol e usar protetor solar com fator de alta proteção, pelo menos nos primeiros 60 dias.

Cuidados após a rinoplastia no outono

O outono se caracteriza por ser um período de temperaturas mais amenas. Nessa época, muita gente gosta de passar as horas vagas lendo. Mas atenção: após a remoção da tala, evite usar óculos por 30 dias, principalmente modelos com armações pesadas.

Como alternativa, indicam-se lentes de contato. Se não for possível, recomenda-se suspender o hobby nesse período e encontrar outras opções de lazer para passar o tempo. Por exemplo: assistir filmes, maratonar séries ou meditar.

Cuidados após a rinoplastia no inverno

Quem deseja realizar uma rinoplastia em Florianópolis, durante seu inverno rigoroso, precisa estar disposto a abrir mão de alguns clássicos da estação. Nessa lista entra o aquecedor, que deixa o ar ainda mais seco, ressecando as mucosas e aumentando o risco de sangramentos nasais, e as blusas de golas altas e justas, que podem apertar e machucar o nariz.

Cuidados após a rinoplastia na primavera

A primavera, assim como o outono, tem um clima bastante agradável e favorável à cirurgia. No entanto, se você é dos que não abrem mão de pegar firme nos treinos, para entrar em forma a tempo do verão, essa não é a melhor época.

Isso porque, recomenda-se suspender a prática de atividades físicas por um mês. E tem mais: em casos de exercícios mais intensos, a interrupção pode ser ainda longa.

Qual é a melhor época para fazer rinoplastia em Florianópolis?

Este artigo foi baseado nas condições climáticas de onde minha clínica se localiza. Considerando o conforto e as facilidades no pós-operatório, as melhores épocas para fazer uma rinoplastia em Floripa são as estações intermediárias, ou seja, o outono e a primavera.

No entanto, trata-se de uma preferência muito pessoal, que deve levar em conta o estilo de vida e os hábitos de cada paciente. Sendo assim, reflita sobre como cada estação interfere no seu dia a dia e avalie qual o melhor período para fazer sua rinoplastia em Florianópolis. Afinal, uma vez que uma boa recuperação impacta, diretamente, no resultado do procedimento, quanto mais tranquila for essa fase, melhor!

Caso resida ou tenha disponibilidade para vir à “Floripa”, estou à disposição para fazer uma avaliação individual e tirar todas as suas dúvidas sobre rinoplastia. Aproveite e agende agora mesmo sua consulta!

Material escrito por: Dr. Fábio Zanini - CRM/SC 8373 | RQE 3904

Médico formado pela Universidade Federal de Santa Catarina em 1999, fez sua especialização em Otorrinolaringologia pelo Hospital da Lagoa no Rio de Janeiro/RJ e Mestrado pela Santa de Misericórdia de São Paulo.

Assine nossa newsletter!



    Insira o código na caixa ao lado.

    captcha